Como cerzir a roupa quando rasga

Como cerzir a roupa quando rasga

Oie vou falar sobre cerzir tecido. Quem é que nunca precisou fazer isso um dia??? Pois é, principalmente quando rasga sem querer aquela peça de roupa favorita dando para aproveitar. Mas para que o cerzido não fique feio, ele precisa ser muito bem feito. Hoje em dia é muito comum calças jeans rasgadas e desfiadas, por questões de moda é claro, mas antigamente isso não existia.


Coloque um retalho pelo lado de dentro e alinhave ou alfinete

Levante o pé calcador da máquina, coloque no ziguezague ou faça no ponto reto tant faz eu costumo tirar o pé calcador, fica melhor para ziguezaguear


Se não for usar maquina e for fazer na mão: 

Corte um remendo do tecido escolhido, um pouco maior do que a área rasgada. Você pode completar este passo colocando o tecido em cima do buraco do jeans, para estimar o quanto cortar. O formato que cortar não importa, pois você costurará o remendo por dentro da calça.

2

Vire o jeans do avesso, para que você possa trabalhar com o lado interno dele ou o lado avesso. Coloque o remendo sobre a área rasgada, deixando o padrão ou a cor do material voltado para baixo, para longe de você.

3

Prenda o remendo no brim com alfinetes. Eles mantêm o tecido no lugar, enquanto você o costura à mão. Coloque os alfinetes com aproximadamente 5 cm de distância um do outro.

4

Costure com uma agulha uma linha colorida, coordenadamente, cerca de duas vezes maior do que o comprimento do perímetro do remendo, e dê um nó no final.

5

Faça a costura com ponto corrido ou chuleado e costure-o no jeans, costurando em volta de todas as partes do remendo. Termine dando um nó. Como está costurando na parte de dentro do brim, nem o remendo e nem o nó ficarão visíveis, quando for usar a calça.

Começamos por analisar que tipo de remendo é necessário fazer. Pessoalmente, tenho-me deparado essencialmente com dois tipos: o de tapar o buraco (um nome nada técnico mas muito funcional!) e o de passajar (ou cerzir).

Para melhor compreensão, cá vão duas fotos:

Na primeira podem ver o buraco das jeans em todo o seu esplendor – deixava ver cerca de 4 cm por 6 cm da perna e a pessoa em questão já não queria este tipo de ar condicionado. Este remendo é mais rápido e menos trabalhoso!

Este era menor, cerca de 3 cm por 3 cm e apesar de estar ligeiramente em cima de um dos bolsos, rapidamente se alargaria ainda mais. Como podem ver, este buraco tem ainda alguns dos fios da trama do tecido, pelo que podemos aproveitá-los para passajar, conseguindo um aspecto final diferente do tradicional ‘buraco tapado’.

No primeiro caso, convém arranjar um pedaço de jenas em cor o mais semelhante possível aos jeans – a não ser que se queira um resultado diferente, contrastante ou num tecido padronizado ou colorido. Aparamos os fios das beiras do buraco. Cortamos o remendo de forma a cobrir o buraco na totalidade, deixando pelo menos mais 1 cm em toda a volta. Pelo avesso das calças, prendemos o remendo com alfinetes, verificamos o aspecto pelo lado direito e, novamente no avesso, alinhavamos para fixar. Ainda pelo avesso, e depois de garantir que o remendo está exactamente onde queremos, cosemos com ponto espinha – este ponto além de fixar garante que o remendo não se desfia sem necessidade de chulear previamente.

Não sabem o que é ponto espinha? Então cá vai imagem explicativa:

A parte inferior dos pontos fica na calça, a superior no remendo, cosendo-se sempre da esquerda para a direita. Atenção que os pontos dados na calça precisam de agarrar apenas um ou dois fios para não se notar pelo lado direito ;O)!

Depois de ‘espinhar’ o remendo pelo avesso, voltamos a calça para o lado direito e em redor das beiras do buraco vamos cosendo com pontos próximos, conseguindo este resultado final:

Este é o ex-buraco da foto 1!

No caso do remendo da foto 2, em que eu achei necessário passajar, podem cortar todos os fios da trama restantes e fazer o trabalho como acabei de explicar. No entanto, se acharem que o efeito até fica engraçado – aquele efeito da calça usada meio desfiada – vão ter de seguir os seguintes passos:

Arranjam um pedaço de tecido à vossa consideração – este tecido não se verá pelo lado direito, pelo que podem escolher qualquer um; pessoalmente prefiro um pedaço de ganga pela sua resistência e porque ao lavar comporta-se da mesma forma que o resto do tecido da calça ;O). Garantam que o remendo cobre a totalidade da zona a remendar, tendo um 1 cm a mais em toda a volta. Faz-se o tal ponto espinha, para fixar. Com uma linha parecida com o fio da trama – eu utilizei linha de alinhavar que é extremamente parecida com a trama da ganga tanto em cor como em material -, vamos ‘brincando’ com os fios, passando a linha ora por baixo, ora por cima, como se tecendo de forma grosseira (forma grosseira porque não precisam propriamente de passar por cima de um fio, por baixo de um fio… podem passar or cima de 3 fios, por baixo de 5, por cima de 2, por baixo de 4…), até conseguir tapar o buraco inicial. Depois, tal como fizemos no remendo anterior, vamos coser as beiras a toda a volta com uma linha semelhante à cor da calça. E fica assim:

Fontes: Pátria da costura/Ehow/Eucosturando/Suzanices

Elis S A C

Deixe uma resposta