Como Saber Se o Caimento de Um Terno Está Correto

  • por

Antigamente, as dicas de como comprar um terno corretamente passavam de pai para filho, infelizmente essa é uma tradição que foi se perdendo e hoje muita gente erra (e feio) na hora de comprar ou ajustar um terno, mas existem dicas básicas e simples que, se seguidas à risca, podem ajudá-lo nesse momento crucial.

Na imagem abaixo é possível ver o caimento e as medidas ideais para um terno perfeito e a relação com as dicas dadas.

1 – No provador

a – Não seja preguiçoso – não dá para avaliar um costume usando uma camiseta ou camisa pólo, peça ao vendedor uma camisa, mesmo que não vá comprá-la. O mesmo vale para tênis, troque-os por sapatos;

b – Paletó correto – Os ternos de hoje são bem certos no corpo, portanto tecido em excesso é um mau sinal. É possível notar se o terno está grande ou mau cortado pelas costas, onde ele deve estar liso e livre de dobras, ou nas mangas muito largas, ou ainda na barriga, com grandes sobras;

c – Para seu tipo de corpo – o ideal é que o terno seja levemente acinturado, esse formato, além de deixá-lo mais elegante alongará sua silhueta e aumentará os ombros, já os modelos mais retosbeneficiam quem tem uns quilinhos a mais;

d – Dois ou três botões? – considero o modelo de três botões melhor para quem está acima do peso, pois chama atenção para o rosto e a gravata, desviando o olhar da barriga, já o de dois botões praticamente cria uma seta direto para o abdômen, então, se este for o escolhido, é melhor que esteja com tudo em cima;

e – Ombros – não pode sobrar nem faltar! No primeiro caso fica um côncavo entre a ombreira e a parte de cima do braço, no segundo caso, o tecido repuxa e acaba com o caimento. O ideal é que fique confortável sem sobrar, como na foto ao lado;

f – Colarinho – o colarinho do paletó é sempre um pouquinho menor que o da camisa, mesmo que algum espertinho te diga o contrário, repare que a camisa dá acabamento na parte de trás, cria harmonia e, de quebra, faz parecer que você é mais alto.

2 – Na hora de ajustar

a – Barras – na frente tem que encostar no cadarço do sapato, sobrando um pouco de tecido e atrás deve chegar ao início do salto, ou seja, menor na frente e maior na parte de trás, aquela barra reta que muita gente faz está errada e prejudica o caimento da calça;

b – Mangas – assim como o colarinho, deve deixar à mostra mais ou menos meio centímetro da camisa. Para saber o lugar correto use o pulso como medida, é nele que termina a camisa;

c – Ajustes laterais – depois de muito provar não encontrou um terno que não sobrasse na barriga? Isso pode ser corrigido com ajustes laterais.

Mais uma foto de um terno com bom caimento, repare como está perfeito nos ombros, na cintura e no comprimento da manga.

Existem outros elementos que influenciam na escolha de um terno, como tecido, acabamento, cor ou padrão, em breve falaremos sobre isso.

Opinião do autor:

Cuidado com as dicas de vendedores e, principalmente, de quem vai fazer ajuste, nem sempre eles estão em dia com as tendências, os modelos de ternos e medidas. Uma costureira uma vez teimou comigo que a manga do paletó deve terminar na metade da mão! Isso só está correto se você estiver fazendo uma fantasia de espantalho! Informe-se muito bem antes de comprar e, em caso de pânico, imprima a foto abaixo e deixe dentro de sua carteira, James Bond nunca erra!

James Bond nunca erra!

Fonte:http://www.canalmasculino.com.br/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.